Guaraná Paquera, Mariana Destro, 2023

Escolhido por ser um título intraduzível, uma vez que “guaraná” é uma derivação da palavra “wara'ná”, da língua indígena sateré-mawé, e “paquera”, uma corruptela da palavra “paqueiro”, que nomeia o cão adestrado para caçar pacas, Guaraná Paquera, além de ser o nome de um popular refrigerante do Rio de Janeiro, também se relaciona à institucionalização das Cosmococas de Hélio Oiticica, que, nos museus, contrariando as instruções do artista, não apresentam cocaína em suas instalações. Em vez disso, há o que muitas vezes parece ser pó de guaraná, suscitando algumas discussões sobre transgressão, marginalidade e institucionalização na arte.
Site de artista (cor, som)
Dimensões variáveis, horizontais ou verticais
JavaScript, HTML, CSS

•   Notas

•   Arquivo de stories 

•   Livro de visitas